segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

PORTUGUÊS: O QUE TRABALHAR?



EXPECTATIVAS DE APRENDIZAGEM E O QUE DEVE CONTEMPLAR A ROTINA DO 3º ANO

PORTUGUÊS

1. EM RELAÇÃO À COMUNICAÇÃO ORAL:
• Participar de situações de intercambio oral, ouvir com atenção, formular e responder perguntas e emitir comentários pertinentes ao tema tratado.

TRABALHAR: Rodas de conversas, Rodas de Leitura e Roda de Jornal; debates sobre temas relevantes do dia-a-dia e da atualidade.

2. EM RELAÇÃO À LEITURA:
• Apreciar textos literários;
• Ler, por si mesmo, textos conhecidos tais como parlendas, trava-línguas, adivinhas, poemas, cantigas, além de placas de identificação, listas, manchetes de jornais, revistas, legendas, quadrinhos e rótulos;
• Ler, com ajuda do professor, textos de divulgação cientifica, enciclopédicos e instrucionais (receitas, brincadeiras...), apoiando-se em seus conhecimentos sobre o tema, as características do portador textual e sistema de escrita.

TRABALHAR: escritas de memória, textos fatiados, localização de informações nos textos, interpretação de textos científicos e informativos, de jornais, revistas e até da internet.

3. EM RELAÇÃO À PRODUÇÃO DE TEXTOS:
• Reescrever, de próprio punho, trechos de histórias conhecidas, considerando as idéias principais do texto-fonte e algumas características da linguagem escrita.
• Produzir textos de próprio punho, (a princípio ditando para o professor e/ou colega), utilizando recursos da linguagem escrita.
• Revisar textos coletivamente e/ou em parceria com colegas.

TRABALHAR: reescritas de contos, fábulas, textos informativos e científicos.

LEMBRANDO QUE ESSAS SÃO INFORMAÇÕES OBTIDAS A PARTIR DA LEITURA DO GUIA DE PLANEJAMENTO E ORIENTAÇÕES DIDATICAS DO PROFESSOR (SECRETARIA ESTADUAL DDA EDUCAÇÃO)

MATEMÁTICA: O QUE DEVE TRABALHAR?



EXPECTATIVAS DE APRENDIZAGEM E O QUE DEVE CONTEMPLAR A ROTINA DO 3º ANO

MATEMÁTICA

1. EM RELAÇÃO AOS NÚMEROS NATURAIS:
• Ler e escrever, comparar, ordenar números pela compreensão das características do sistema numérico.
• Contar em escola ascende e descendente, a partir de qualquer número dado.

TRABALHAR: quadros de números, ordem crescente e decrescente, seqüências numéricas, sucessor e antecessor, ditados iterativos.

2. EM RELAÇÃO AO TRATAMENTO DE INFORMAÇÃO:
• Ler e interpretar tabelas simples.
• Ler e compreender gráficos de colunas.

TRABALHAR: tabelas e gráficos simples.

3. EM RELAÇÃO A: GRANDEZAS E MEDIDAS:
• Reconhecer cédulas e moedas que circulam no Brasil e realizar possíveis trocas entre cédulas e moedas, em função de seus valores.
• Estabelecer relação entre unidades de tempo – dia, semana, mês, bimestre, semestre, ano – e fazer a leitura das horas.
• Produzir escritas que representem o resultado de uma medição, comunicando o resultado por meio de seus elementos constitutivos.

TRABALHAR: sistema monetário, calendário, sistema de medidas (quilo, metro) e horas.

4. EM RELAÇÃO A ESPAÇO E FORMA:
• Representar a localização de um objeto ou uma pessoa no espaço, pela analise de maquetes, esboços e croquis.
• Representar a movimentação de um objeto ou pessoa no espaço por meio de esboços e croquis que mostrem trajetos.
• Diferenciar figuras tridimensionais de figuras bidimensionais.
• Perceber semelhanças e diferenças entre cubos e quadrados, paralelepípedos e retângulos, pirâmides e triângulos, esferas e círculos.

TRABALHAR: lateralidade, trajetórias, figuras geométricas planas e sólidos geométricos, maquetes (?)

5. EM RELAÇÃO A OPERAÇÕES E CÁLCULOS:
• Interpretar e resolver Situações-problema envolvendo adição e subtração.
• Utilizar a decomposição das escritas numéricas para a realização de cálculo mental e exato das adições e subtrações.
• Calcular a soma e/ou subtração de números naturais utilizando técnicas convencionais ou não.
• Utilizar estimativas para avaliar a adequação do resultado de uma adição e/ou subtração.
• Interpretar e resolver situações-problema, compreendendo significados da multiplicação, a partir de estratégias pessoais.
• Calcular resultados de multiplicação, por meio de estratégias pessoais.
• Construir fatos básicos da multiplicação (por 2, por 3, por 4, por 5) a partir de situações-problemas, para constituição de repertório a ser utilizado no calculo.
• Interpretar e resolver situações-problemas, compreendendo significados da divisão e utilizando estratégias pessoais.

TRABALHAR: situações-problema do campo aditivo e multiplicativo, decomposição numérica, operações matemáticas do campo aditivo e multiplicativo, atividades de estimativa de resultados, trabalhar noções de tabuada (DOBRO, TRIPLO, ATÉ POR 5).

LEMBRANDO QUE ESSAS SÃO INFORMAÇÕES OBTIDAS A PARTIR DA LEITURA DO GUIA DE PLANEJAMENTO E ORIENTAÇÕES DIDATICAS DO PROFESSOR (SECRETARIA ESTADUAL DDA EDUCAÇÃO)